Pierre-Louis Costes e Isabela Sousa vencem o IBA Búzios Bodyboarding 2010

o documentario de bodyboard the life of prisk sera lancado no final de julho

IBA Búzios Bodyboarding 2010: Vitória francesa

O quinto e último dia de competição do IBA Búzios Bodyboarding 2010 foi marcado por uma mudança significativa nas condições. O clima quente e ensolarado que pôde ser visto durante toda a semana foi substituído por nuvens, chuvas intermitentes e ventos no solo.

Apesar das mudanças nas condições climáticas, os participantes e a equipe ficaram entusiasmados em lidar com as melhores condições de surfe. Com um swell começando a se encher, as ondas subiram para sólidos 2 ou 3 pés com potencial para saltos maiores. A competição foi reiniciada no quinto dia com a sexta rodada da divisão profissional masculina.

Na sexta rodada, as interrupções e corridas acirradas que prevaleceram ao longo da semana continuaram. Na segunda entrada, Mark McCarthy (SAF) foi eliminado por Tainin Monte (BRZ), que continuou com uma aparência impressionante. Na quinta rodada, Hermano Castro e o campeão mundial do IBA em 2008, Uri Valadão, enfrentaram um confronto tão acirrado que terminaram empatados.

Hermano avançaria para o desempate. Mesmo em uma disputa acirrada, Diego Cabrera (SPN) enfrentaria apenas o seis vezes campeão mundial Guilmerme Tamega nos segundos finais da sexta rodada. A sétima rodada foi uma revanche da final de Búzios do ano passado. Em 2009, o campeão buziano Eder Luciano (BRZ) venceu novamente Erisberto Abrantes (BRZ).

Na oitava rodada, o persistente Lucas Nogueira (BRZ) rapidamente assumiu a liderança e derrotou o bicampeão mundial Jeff Hubbard (HI). Amaury Lavernhe (REU), Pierre Louis Costes (FRN) e Magno Oliveira (BRZ) tiveram mais ações na sexta rodada.

O evento continuou com as quartas-de-final masculinas. Nas quartas-de-final, Tainin Monte derrotou o atual líder de pontos do IBA MWT, Amaury Lavernhe. Pierre Louis Costes deu continuidade ao bom desempenho ao tirar Magno Oliveira da competição no segundo turno.

No terceiro turno, Guilherme Tamega encerrou a jornada de Herman Castro. Na quarta rodada das quartas de final, Lucas Nogueira continuou sua progressão agressiva ao eliminar o atual campeão Búzios Eder Luciano.

A competição se classificou para as semifinais, com as mulheres em primeiro lugar. Na bateria, Nicole Calheiros (BRZ) enfrentou Isabela Sousa. Sentada um pouco mais abaixo na Praia Isabella, Nicole perdeu oportunidades excelentes quando as ondas começaram a soprar. Entretanto, Isabela Sousa tira partido do sistema de prioridades.

O destaque da rodada foi o ARS gigante de Isabella, marcando 9,5 pontos com os juízes e vencendo a rodada para eles. Na segunda semifinal feminina, Eunate Aguirre (SPN) conheceu Maylla Venturin (BRZ). Maylla aproveitou o sistema de prioridade para conquistar a vantagem sobre Eunate e se manteve na liderança até o final da rodada.

Na semifinal masculina, Tainin Monte enfrentou Pierre Louis Costes. O PLC continuou a sua liderança determinada, vencendo Tainin com uma vantagem convincente de 3,35. A segunda semifinal foi uma batalha entre os brasileiros. Lucas Nogueira partiu muito cedo para a ofensiva. Tâmega trabalharia para trás e assumiria a liderança. Nos últimos segundos de calor, Nogueira bateu em uma onda, mas só emergiu por alguns instantes.

As duas finais criariam muito drama e tensão. Em primeiro lugar, Maylla Venturin teve uma boa atuação na final da final feminina. Com o tempo, parecia que Maylla iria manter a liderança para garantir a vitória. No entanto, nos trinta segundos finais da rodada, Isabela se lançou em uma onda final e fez o retorno milagroso para a vitória!

Na final masculina, Pierre Louis Costes entrou na água com determinação. Na segunda onda de Pierre, ele acertou um flip enorme que marcou 9,5 pontos, dando-lhe uma vantagem inicial. O PLC não interrompe esta linha. Guilherme Tâmega fez o que pôde para voltar à bateria, mas não conseguiu bater a vantagem combinada de Pierre nas duas ondas.

Saindo da água, Amaury Lavernhe colocou Pierre nos ombros, Pierre abriu uma garrafa de champanhe e a festa começou! Foi a primeira vitória da digressão mundial IBA de Pierre Louis Costes.

Após o evento, o CEO do IBA, Terry McKenna (que assistiu à final de sua casa na Austrália, apesar da diferença de fuso horário) postou no fórum de Búzios. “Parabéns, Pierre. Esta vitória está muito atrasada. “A vitória já devia ter sido feita há muito tempo, mas foi merecida.

O evento WWT foi o primeiro evento no calendário de 2010 e Isabella agora tem o início perfeito para sua campanha. A vitória no PLC foi o início da carreira do francês e também o prepara para uma grande temporada.

O IBA está a caminho do segundo Grand Slam WMT em El Gringo, Chile.

Click to rate this post!
[Total: 0 Average: 0]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste sítio, está a concordar com a nossa utilização de cookies.