Como ensinar seu filho a fazer bodyboard

bodyboardingchild

Vai passar uma semana de férias na praia? Comprou uma prancha de bodyboard para o seu filho? Movimento inteligente. Prepare-se para apresentar seus descendentes às ondas com facilidade e segurança. Vai ser engraçado.

Agora que você tem seu bebê na água, algumas perguntas podem surgir.

Qual é a idade certa para ensinar uma criança a fazer bodyboard? É seguro colocar um bodyboarder embaixo do peito de uma criança? Como deve começar?

Não existe uma idade mínima para aprender bodyboard. No entanto, as crianças podem começar a fazer seus primeiros rolos de corredeira quando tiverem três ou quatro anos.

Assim que eles podem correr e nadar, eles estão praticamente prontos para sua primeira aula de bodyboard. Os pais devem saber quando é a hora certa, mas os adolescentes também mostram sinais de interesse.

A verdade é que a maioria das crianças adora água. E que melhor lugar para desenvolver hábitos e habilidades saudáveis ​​do que no mar.

O bodyboard é uma experiência emocionante e segura para as crianças. Combine a paixão pela praia e pelo mar com uma atividade física e emocionante ao ar livre.

Você gostaria que seu filho aproveitasse as alegrias do bodyboard tanto quanto você? Não mergulhe seu bebê nas ondas que quebram. Antes de ensinar-lhe os primeiros passos, deixe-o mostrar seu interesse.

Uma experiencia agradavel

O bodyboard não é ciência de foguetes, mas não há muito que você possa fazer para melhorar a experiência geral. Por exemplo, água quente é sempre uma boa ideia, sempre que possível.

Se você mora em água fria, dê ao seu filho um macacão confortável e colorido.

Leve seu filho a um lugar que ele ame ou a uma praia que ele esteja acostumado. Os locais de surf famosos são sempre uma escolha inteligente, especialmente porque os locais de surf famosos aumentam a sua confiança.

Portanto, compre uma prancha grande e de alta flutuabilidade para que ela encontre o equilíbrio de forma rápida e suave.

Em muitos casos, se seu filho já viu você atacar suas costas, ele provavelmente tentará imitar seus movimentos para que você não precise se preocupar em dar muitas informações.

Bodyboard: os pais podem desempenhar um papel importante no ensino de habilidades básicas de surfe para seus filhos. Foto: Shutterstock

Dicas e conselhos

Aqui estão algumas dicas e truques para fazer seu filho praticar bodyboard:

1 Ensine seu filho a nadar: Esta é uma regra obrigatória para quem deseja aprender bodyboard.

2 Avalie seu apetite por ondas: Se ele não gosta da praia e do mar, não o force a dominar as ondas;

3 Transforme a prancha de surf em um brinquedo jogável: Mostre a seu filho o que você fará com ele e como pode ser emocionante ser empurrado por uma onda.

Encontre uma área na maré baixa com águas rasas: Procure correntes e rochas e encontre um lugar seguro para estudar.

5 Não insista em ensinar uma criança a fazer bodyboard: deixe ir com o fluxo e respeite seu ritmo;

Deixe seu filho se acostumar com a prancha antes de pegar as ondas: Deixe seu filho pegar e cheirar o equipamento e responder às suas perguntas e preocupações.

Ajude-o a entrar nas primeiras ondas: Pule barbatanas, fique atrás da prancha, converse com ele e empurre seu filho nas ondas para que ele se sinta bem.

8º. Mantenha-os confortáveis ​​na pequena ressaca: A ingestão de água salgada após desfazer desenvolve medo e o medo leva à rejeição – mantenha a calma e o controle o tempo todo;

9 Certifique-se de que eles estão sempre aquecidos: O calor está profundamente ligado ao conforto e à autoconfiança. Se o seu filho pratica bodyboard em água fria, compre para ele uma roupa de mergulho.

dez. Pergunte ao seu filho como ele se sentiu sobre a experiência do bodyboard: Os comentários ajudam a identificar qualquer inconveniente, hesitação ou suspeita.

As primeiras sessões devem ser curtas e divertidas. Ele ou ela tem uma ideia do que é bodyboard e aprende Surfing Basics.

Evite quebras bancárias; Do contrário você corre o risco de se machucar e lembrar que o objetivo não é treinar um bodyboarder profissional. Você quer que ele aproveite seu tempo na água e crie memórias das quais ele se lembrará por muitos anos.

Com um pouco de paciência e bom senso, você poderá compartilhar o esforço, transmitir conhecimentos valiosos para seu filho e encontrar um parceiro para a vida toda no menor tempo possível.

Click to rate this post!
[Total: 0 Average: 0]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste sítio, está a concordar com a nossa utilização de cookies.